11/01/2017

13:57

Por: Alberto Silva

Evangélicos quebram imagem de Nossa Senhora: “Em nome de Jesus!”, assista…

Evangélicos destroem imagem de Nossa Senhora Aparecida e revoltam a internet.

Um vídeo de uma igreja evangélica vem causando revolta na internet depois do vídeo ser compartilhado no Facebook nesta terça-feira (10/1). Aconteceu em Botucatu, interior de SP. As imagens mostram uma mulher, que foi apontada como pastora da igreja, quebrando imagens de Nossa Senhora.

O responsável pela postagem do vídeo na rede social acabou apagando o vídeo, mas ele repercutiu tanto negativamente que foi compartilhado em outros lugares.

As imagens foram gravadas por um dos ‘obreiros’, como são chamados na igreja, mostra o ritual evangélico. A líder quebra a imagem da santa com um martelo, enquanto o grupo de pessoas faz várias orações.

"Oh, glória. Não aceito outro Deus. Aleluia, Jesus. Teu nome seja glorificado, Senhor.", fala a pastora no vídeo.

“Oh, glória. Não aceito outro Deus. Aleluia, Jesus. Teu nome seja glorificado, Senhor. Abençoa, Senhor, meu pai, que foi feita pelas mãos do inimigo. Seu nome será honrado e glorificado. Está quebrada, em nome de Jesus”, dizem as pessoas.

Segundo o Conselho Municipal de Pastores, a prática é comum e ocorre quando alguém é convertido à nova religião. Porém eles afirmaram que não concordam com a filmagem e divulgação da prática, já que “respeita” outras religiões. O conselho ainda afirmou que vai entrar em contato com a pastora para ter mais informações sobre o ocorrido.

No entanto, o ato é claramente desrespeitoso, como se estivessem quebrando alguma ‘maldição’ e deixou a igreja evangélica com uma imagem bem ruim, já que foi visto várias vezes por muitas pessoas, que independente da religião, repudiaram o ato.

(Via Agência de Notícias e Debate Progressista)

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

101

Clique aqui