04/11/2015

23:12

Por: Alberto Silva

Revista Veja copia matéria do site “Pensa Brasil” e não cita fonte

O Pensa Brasil, taxado pelas grandes mídias em divulgar informações fora de hora, as vezes, serve, como por exemplo, na revista Veja, que copiou conteúdo exclusivo sem citar a fonte.

Quem não sem lembra da matéria postada aqui em “primeira mão” de um vídeo onde o cidadão chama LULA de Ladrão? Pois é, a revista Veja, em uma página de seus blogueiros, copiou a matéria e nem citou a fonte. Satisfeitos estamos pois sabemos que o Pensa Brasil a cada dia que passa rompe barreiras e traz informação em primeiro lugar. Obrigado Revista VEJA.

Blogs e Colunistas

às 18:38 \ Direto ao Ponto

No vídeo, Lula e Jaques Wagner ouvem nitidamente a voz do Brasil: ‘E aí, ladrão!’

A imagem que abre o vídeo de 11 segundos mostra o que parece ser a entrada de um hotel de luxo e parte da perna de alguém de bermuda. Então irrompem na telinha Lula e Jaques Wagner. O ex-presidente está de terno e camisa social sem gravata. O chefe da Casa Civil veste o uniforme de comício no interior do Nordeste: calça escura e camisa branca de mangas compridas.

Conversando em voz baixa, os bons companheiros avançam com passadas rápidas até tropeçarem na pedra sonora no meio do caminho: “E aí, ladrão!”, diz em tom perfeitamente audível o homem surpreendido pela aparição da dupla. Lula olha por milésimos de segundo para o autor do pontapé verbal, engole a perplexidade, faz de conta que o alvejado foi Jaques Wagner, engata uma quinta, acelera e sai de cena.

Desde aquela tarde de julho no Maracanã, quando uma vaia de espantar Nelson Rodrigues abortou o palavrório presidencial na abertura do Pan-2007, o palanque ambulante só discursa para plateias amestradas, só circula sem cautelas nos encontros restritos à companheirada e morre de medo do povo. Poupado de manifestações hostis graças a essa forma rara de agorafobia, acaba de descobrir que a indignação das multidões pode ser vocalizada por um homem só.

É irrelevante saber quem é o brasileiro que reprisou com três palavras a histórica vaia no Maracanã. O importante é Lula saber que acabou de ouvir a voz do Brasil.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

loading...
93