27/04/2016

15:18

Por: Alberto Silva

O Com. do Exército, General Eduardo Villas-Bôas, enviou um alerta a colegas da turma 1973 da Academia Militar das Agulhas Negras

A consequência é que hoje ninguém pensa no país e que a questão nacional nunca está presente nas discussões e no que se projeta para o futuro. Em relação a isso, a rede Brasil de notícias (do governo) editou uma matéria dizendo que eu havia criticado a Revolução de 64.

Joguinho da guerra suja ideológica – O Comandante do Exército, General Eduardo Villas-Bôas, enviou um alerta a colegas da turma 1973 da Academia Militar das Agulhas Negras, advertindo sobre uma manipulação que sua recente palestra sofrera pelo noticiário da Rede Brasil de Notícias – canal oficial do governo federal.

A reportagem divulga a mentira de que Villas-Bôas criticara a Revolução de 1964.
O Alerta Total reproduz a mensagem do General aos militares, difundida nas redes sociais:

“Fiz uma palestra na UNICEUB em Brasília, que está disponibilizada na \internet. Durante o debate, no contexto de uma pergunta, eu disse que o Brasil precisa recuperar a coesão interna, perdida por termos cometido o erro de haver deixado a linha de fratura da guerra fria passar por dentro da nossa sociedade, fazendo com que nos dividíssemos. A consequência é que hoje ninguém pensa no país e que a questão nacional nunca está presente nas discussões e no que se projeta para o futuro. Em relação a isso, a rede Brasil de notícias (do governo) editou uma matéria dizendo que eu havia criticado a Revolução de 64. Logicamente, está repercutindo e causando compreensível indignação entre alguns companheiros da reserva. Como nos conhecemos todos, seria desnecessário, entre nós, de 73, fazer esse esclarecimento. Peço contudo que me ajudem a neutralizar essa divulgação, principalmente nesse momento em que nos consolidamos como balizadores dos processos em andamento”.

A reportagem divulga a mentira de que Villas-Bôas criticara a Revolução de 1964. O Alerta Total reproduz a mensagem do General aos militares, difundida nas redes sociais

Via – www.alertatotal.net/

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

loading...
94