16/06/2016

17:56

Por: Alberto Silva

Com medo da zika, Gasol diz que vai congelar esperma se vier aos Jogos

"A situação é de certa gravidade, sobretudo para a maioria dos atletas que estão em uma idade fértil. Tem que se pensar. O vírus está evoluindo", afirmou o jogador que atua pelo Chicago Bulls, da NBA.

O pivô Pau Gasol, 35, grande estrela do basquete da Espanha, ainda não sabe se viajará para o Rio para disputar a Olimpíada, em agosto, devido à propagação do vírus da zika.

Porém, caso decida participar dos Jogos, ele cogita congelar esperma, assim como fez o britânico Greg Rutherford, campeão olímpico do salto em distância em Londres-2012.

“Congelar o esperma é uma medida a mais que eu me reservo a adotar caso eu decida ir aos Jogos. A realidade continua preocupante. Temos que dar a importância e a gravidade que esta situação merece”, disse Gasol em entrevista publicado pelo jornal espanhol “El País”.

O vírus também pode ser transmitido por via sexual e provocar problemas neurológicos em adultos, como a síndrome de Guillain-Barre, que causa paralisia e morte, e microcefalia nos bebês.

“Cada dia sai algo novo e há bastante incerteza, sobretudo quanto ao tempo que o vírus pode permanecer no sangue e, no caso do homem, no esperma. Eu busquei mais informações que confirmam as preocupações, ainda que os riscos possam ser minimizados”, afirmou.

O vírus também pode ser transmitido por via sexual e provocar problemas neurológicos em adultos, como a síndrome de Guillain-Barre, que causa paralisia e morte, e microcefalia nos bebês.

“A situação é de certa gravidade, sobretudo para a maioria dos atletas que estão em uma idade fértil. Tem que se pensar. O vírus está evoluindo”, afirmou o jogador que atua pelo Chicago Bulls, da NBA.

No fim de maio, Gasol disse que ainda estava avaliando a possibilidade de não disputar a Olimpíada do Rio em razão do vírus. Na ocasião, ele ressaltou que espera que “os comitês olímpicos nacionais informem 100% da situação e riscos para os atletas, para que possam tomar uma decisão sobre assumir ou não este risco”.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

loading...
94