OutrosUncategorized

Paraquedista morre após cair a 100 km/h durante salto em Boituva

A Polícia Civil abriu inquérito para apurar as causas do acidente. O corpo do paraquedista foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) e seria velado em Sorocaba, onde reside a família

O paraquedista Fabricio Daikubara, de 40 anos, morreu durante um salto, no último domingo (02), no Centro Nacional de Paraquedismo (CNP), em Boituva, interior de São Paulo. Ele havia saltado com outros paraquedistas e teria perdido o controle do equipamento quando fazia manobra para finalizar o salto. Fabricio acabou batendo com força no chão e sofreu várias fraturas. Socorrido por uma unidade de resgate, ele foi levado a um hospital da cidade, mas não resistiu a uma parada cardiorrespiratória. aqui

De acordo com o CNP, Fabrício era experiente e já havia feito mais de 300 saltos. A Polícia Civil abriu inquérito para apurar as causas do acidente. O corpo do paraquedista foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) e seria velado em Sorocaba, onde reside a família. Ele deixou esposa e uma filha.

Foi a quarta morte de paraquedistas no CNP de Boituva este ano. Em fevereiro, Amilton Vieira, de 38 anos, sofreu uma queda após se chocar com um colega durante o salto e não resistiu. Em junho, os paraquedistas Gustavo Corrêa Garcez e Marcos Guilherme Padilha, ambos de 39 anos, se chocaram no ar e também caíram.

(Via agencia)

Related posts

FIM DE JOGO – STF vai julgar HOJE denúncia contra Renan Calheiros, confira…

admin

Consulte o valor que você poderá sacar de contas do FGTS, confira…

admin

Prestes a completar 100 anos, Roberta Miranda se compara a Anitta e tira foto sem calcinha

admin