OutrosUncategorized

“Não volto atrás e reforço, Dilma não termina mandato” reafirma Michel Temer.

Michel Temer preferiu não explicar a Dilma Rousseff sua declaração de que é difícil que o governo resista mais três anos e meio com popularidade baixa. O vice-presidente acha que, diferentemente de quando disse que o País precisava de um “reunificador”, desta vez não houve ruído em sua fala.

Em guerra com Aloizio Mercadante, o grupo do vice preferiu difundir a versão de que o titular da Casa Civil tratava de amplificar a repercussão da fala para afastar ainda mais Temer e Dilma. “Não volto atrás e reforço, Dilma não termina mandato” aqui

Os “bombeiros” da equipe de Temer diziam que a própria presidenta, quando tomou conhecimento da fala na íntegra, fez chegar ao vice a avaliação de que não viu nela um ataque à sua permanência no cargo.

Aliados do vice preparam nova artilharia contra Mercadante na reunião da coordenação política de terça-feira (08). A mensagem será que Dilma não tem como reverter o quadro negativo sem interlocução confiável no Congresso, o que, dizem, é dificultado pelo petista. (Folhapress) 

Related posts

Olha que notícia boa – Deputados do PT farão renuncia coletiva se Lula for preso

admin

Pesquisa aponta queda de 'Dilma' e de Eduardo Cunha, veja aqui quem vota em que… – Pensa Brasil – Conectado com você

admin

Jaques Wagner “Aquele que falsificou assinatura na Marinha” ignora todos das FFAA no congresso

admin