OutrosUncategorized

Gerente de joalheria diz que Cabral e assessor eram 'Clientes Vips' , “Gastavam milhões”

Gerente de joalheria diz que Cabral e assessor eram ‘clientes assíduos’

Em depoimento à Polícia Federal, a gerente de uma joalheria que fica na Zona Sul do Rio afirmou que o ex-governador Sérgio Cabral e o assessor Carlos Miranda eram clientes assíduos da loja. A GloboNews teve acesso ao documento. aqui

A funcionária afirmou que era frequentemente procurada por Carlos Miranda, assessor de Sérgio Cabral, em busca de joias femininas para dar de presente. A mulher afirmou ainda que o valor das joias compradas girava em torno de R$ 1 mil a R$ 10 mil, mas podendo ultrapassar esse valor eventualmente.

Em outro trecho, a gerente conta que Cabral era cliente pessoal dela, tendo comprado algumas vezes, sendo a última delas há dois anos, quando o ex-governador comprou um colar de ouro avaliado em cerca de R$ 10 mil e pagou em dinheiro.  A funcionária afirmou que também quando era deputado e senador, Sérgio Cabral a procurava para comprar joias em dinheiro vivo.

Joias valiosas
A Polícia Federal divulgou na tarde desta quinta-feira (17) imagens de bens apreendidos durante a operação calicute, durante a qual o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), foi preso. As fotos mostram uma lancha, joias e relógios. Segundo a PF, os bens foram apreendidos em endereços de Cabral.

Segundo o MPF, o esquema do grupo ligado ao ex-governador lavou dinheiro comprando bens que incluíram vestidos de festa, joias, uma lancha avaliada em R$ 5 milhões e até cachorros-quentes de uma festa de aniversário do filho do político.

(Via Redação)

Related posts

“LULA SEM SAÍDA” E-mails comprovam que lobby de montadoras alterou conteúdo de MP

admin

“Então” Reforma ministerial só contribui com R$ 200 mi dos R$ 66 bi do ajuste,

admin

Pastor estupra menino de 10 anos em troca por chinelo e vídeo game

admin