CuriosidadesUncategorized

Cabral usa restaurante japonês para lavar dinheiro

O ex governador Sergio Cabral (PMDB) é acusado de lavar dinheiro usando a rede de restaurantes japoneses Manekineko. aqui

A Receita Federal efetuou um relatório, e neste afirmou que apenas em 2014 o restaurane tranferiu para a conta do escritório de advocacia de sua esposa, Adriana Ancelmo, em torno de R$ 1 milhão. Em 2015, outro relatório da Receita mostra que o mesmo escritório recebeu mais R$2,3.

A rede Manekineko tem seis restaurantes no Rio, sendo três na zona sul e tem como simbolo na sua logo a “prosperidade”.

Manekineko transferiu R$ 1 milhão para a banca da ex-primeira-dama (esposa de Cabral)

Cabral, atualmente, está preso em Bangu acusado de cobrar propina sobre contratos de obras do Estado.

[Via Agência de Notícias, Brasil 247 e Noticias ao Minuto.]

Related posts

Depois de ser chifrado, Neymar ainda vai gravar canções de amor para Marquezine #MechamadeBruna

admin

PF avança sobre desembargadores que vendiam sentenças no Ceará

admin

CONSUMISMO – Sophia Abrahão chora na TV ao se desfazer de roupas

admin