OutrosUncategorized

Brasileiras são vítimas de tráfico de órgãos na Venezuela

O corpo de Adelaide da Silva estava sem o coração, os pulmões, os rins e o intestino

A Polícia Federal investiga o caso de duas brasileiras que podem ter sido vítimas do crime de o tráfico de órgãos na Venezuela. Uma das mulheres foi ao país fazer uma cirurgia estética, morreu e o corpo voltou sem vários órgãos. Quem aliciar ou transportar pessoas para a retirada de órgãos pode pegar até oito anos de prisão. aqui

De acordo com a reportagem da TV Globo exibida nesta segunda-feira (10), os parentes só descobriram que tinham retirado os órgãos da mulher quando o corpo chegou ao Brasil. É um caso que se enquadra na nova lei. Antes, só era punido o tráfico para exploração sexual ou trabalho escravo.

O corpo de Adelaide da Silva estava sem o coração, os pulmões, os rins e o intestino. Ela morreu na Venezuela, aos 52 anos. A polícia de Roraima, de onde ela era, disse que está investigando a causa da morte e a retirada dos órgãos dela e de uma paciente do Amazonas, que teria tido o corpo liberado sem um rim.

De acordo com a reportagem da TV Globo exibida nesta segunda-feira (10), os parentes só descobriram que tinham retirado os órgãos da mulher quando o corpo chegou ao Brasil. É um caso que se enquadra na nova lei. Antes, só era punido o tráfico para exploração sexual ou trabalho escravo

(Via Agencia)

Related posts

Ministro adverte “Vão usar dinheiro roubado da Petrobrás nas eleições municipais esse ano”

admin

Cantor FAMOSO põe silicone no 'BUMBUM', saiba quem é!

admin

PROCON autua Caixa por esquema enganoso da Mega Sena da Virada, a grande farsa, entenda…

admin