OutrosUncategorized

Aprenda a fazer torta de castanha-do-pará, veja a receita aqui…

Nativa da Amazônia, a castanha-do-pará é conhecida no exterior como “Brazil nut” (ou castanha-do-Brasil).

aqui

Nativa da Amazônia, a castanha-do-pará é conhecida no exterior como “Brazil nut” (ou castanha-do-Brasil). Apesar do nome, não se trata de uma exclusividade brasileira. Ela também é encontrada nas florestas de países vizinhos, como Venezuela, Colômbia, Bolívia e Peru.

Apesar do nome, não se trata de uma exclusividade brasileira. Ela também é encontrada nas florestas de países vizinhos, como Venezuela, Colômbia, Bolívia e Peru. Por sinal, o maior exportador da semente é a Bolívia, que responde por cerca de 50% de toda a produção mundial.

Por sinal, o maior exportador da semente é a Bolívia, que responde por cerca de 50% de toda a produção mundial. O Brasil fica em segundo lugar, com 40%. A explicação para o nome no mercado internacional é o forte trabalho de divulgação realizado pelo Brasil, nos últimos anos.

Muito utilizada na culinária dos Estados do Amazonas, Pará e Mato Grosso, as castanhas são ingrediente tanto de pratos salgados quanto doces, como é o caso de desta torta de castanha-do-pará.

Ingredientes

150 g de castanha-do-pará sem pele e triturada 200 g de farinha de trigo 1 colher (chá) de fermento em pó 300g de açúcar refinado 5 ovos 125 g de manteiga sem sal Recheio (opcional) 100 g de ameixa em calda 1 lata de leite condensado cozido

½ xícara (chá) de vinho do Porto

Preparo

Bata metade do açúcar com a metade da manteiga, até obter um creme. Acrescente as gemas e continue batendo. Junte a farinha de trigo, o fermento e a castanha-do-pará moída e reserve. Bata as claras em neve e acrescente à massa suavemente. Coloque em uma forma untada e polvilhada com farinha de trigo. Leve para assar, em forno médio, até que a massa fique levemente dourada. Recheio

Bata no liquidificador as ameixas sem os caroços, o leite condensado cozido e o vinho do porto até obter um creme homogêneo.

Cobertura

Numa batedeira, bata o restante do açúcar e da manteiga até formar um glacê. Montagem Quando a torta estiver fria, corte-a ao meio no sentido horizontal, e acrescente o recheio. Junte as duas partes e coloque a cobertura.

Finalize polvilhando castanhas-do-pará.

Dicas

Muito saborosa, esta torta pode ser servida sem o recheio e a cobertura, como na foto acima.

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

34

Related posts

Ser uma mãe chata pode ajudar na educação de seu filho – Pensa Brasil – Conectado com você

admin

'Renato Duque' não aguenta mais cadeia e disse que quer nova chance com delação premiada

admin

Conheça 4 praias mais bonitas do Brasil – Pensa Brasil – Conectado com você

admin