18/08/2015

17:22

Por: Alberto Silva

PT irá fazer manifestação ‘Pro-Dilma’ na quinta feira e faz convocação na TV

PT diz que "chegou a hora de ir às ruas para defender os direitos trabalhistas, as conquistas sociais dos últimos anos e, acima de tudo, para defender a nossa democracia''.

Dois dias após os protestos contra o governo, o PT pedirá em rede nacional de TV nesta terça-feira (18) que a população saia às ruas nesta quinta-feira (20) para “defender a democracia”. A legenda dirá também que “qualquer governo e qualquer partido” cometem erros e acertos.

O conteúdo será exibido em inserções que irão ao ar na TV nesta noite. Cada comercial tem 30 segundos e será repetido uma vez. O PT tem direito a dois minutos para exibir seu material nesta terça.

Em uma das peças, o PT diz que “chegou a hora de ir às ruas para defender os direitos trabalhistas, as conquistas sociais dos últimos anos e, acima de tudo, para defender a nossa democracia”.

“Por isso, se junte à mobilização nacional que nesta quinta-feira, dia 20, vai unir movimentos sociais, partidos políticos, centrais sindicais e todos aqueles que acreditam que o Brasil é maior que qualquer crise”.

Em outro comercial, o PT faz uma espécie de mea culpa, ainda que modesto, e afirma que “qualquer governo e qualquer partido” vivem bons e maus momentos e cometem ” erros e acertos”. ” É bom recordar os erros para que não aconteçam mais, mas também é bom lembrar que, juntos, criamos um novo Brasil”.

A propaganda cita o fim da miséria e o aumento da renda como conquistas dos governos petistas. “Um país que chegou onde chegamos tem tudo para superar qualquer crise na economia”.

O programa do PT do segundo semestre foi ao ar no último dia 6.

MOVIMENTOS SOCIAIS

Apesar da convocatória do PT, Guilherme Boulos, líder do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) disse nesta segunda-feira (17) que o ato de quinta não será ‘Viva a Dilma’ e que um de seus objetivos é criticar o ajuste fiscal promovido pelo governo e a Agenda Brasil proposta pelo PMDB do Senado

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

68

Clique aqui