18/01/2016

22:08

Por: Alberto Silva

Petrobras desaba e fecha abaixo de R$ 5 pela primeira vez desde 2003

O principal índice da Bovespa fechou em queda nesta segunda-feira, renovando seu menor nível registrado desde 2009. A baixa foi puxada pelo forte declínio das ações preferenciais da Petrobras, que fecharam abaixo de 5 reais pela primeira vez desde 2003.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa caiu 1,21%, a 38.104 pontos. O feriado nos Estados Unidos pelo Dia de Martin Luther King reduziu o volume de negócios no pregão local. O recuo das ações preferenciais (sem direito a voto) da Petrobras foi de 6%, para 4,87 reais. As ações ordinárias (com direito a voto), por sua vez, recuaram 4,77%, a 6,43 reais.

Um conjunto de fatores negativos tem puxado as sucessivas quedas das ações da estatal. No cenário externo, a baixa dos preços do petróleo – que está sendo negociado por menos de 30 dólares, valor que não era registrado havia doze anos – tem afetado não apenas as empresas petrolíferas, mas também as bolsas de valores. Além disso, a empresa, endividada e com negócios afetados pelos casos de corrupção investigados pela operação Lava Jato, da Polícia Federal, lançou um amplo programa de cortes de investimentos e venda de ativos – e os investidores têm dúvidas sobre a capacidade da empresa de conseguir levar o plano a cabo da maneira como foi anunciado. Só em cortes de investimentos, são 32 bilhões de dólares até 2019.

Dólar – No mercado de câmbio, o volume de negócios também foi baixo devido ao feriado nos EUA. O dólar fechou em baixa de 0,37%, negociado por 4,03 reais.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

    Sorry. No data so far.

57

Clique aqui