15/08/2016

10:52

Por: Alberto Silva

Pai constrói casinha para filha não esperar ônibus na chuva

Natália, de 8 anos, não é a única protegida de José, que tem também Josué, de 4. Ele afirma que acredita que ser pai é participar da vida dos filhos. E para o caseiro, quanto mais ativa for a participação, melhor para ele e as crianças.

Nunca duvide quando te disserem que um pai pode fazer de tudo por seu filho. O caseiro José Paixão Fernandes é o exemplo de que, sim, o instinto paterno é uma das maiores proteções que existe.

Para não ver sua filha esperar o ônibus escolar debaixo de chuva, ele resolveu agir. Para isso, construiu com as próprias mãos uma pequena casinha para que a menina espere o transporte bem abrigada.

“Na temporada de chuvas ela ficava com o guarda-chuva. Aí eu inventei de fazer essa estrutura de cima, fiz só a cobertura. Depois, fui fechado os lados”, explicou José, que vive na zona rural de Palmas, no Tocantins, ao portal G1.

Natália, de 8 anos, não é a única protegida de José, que tem também Josué, de 4. Ele afirma que acredita que ser pai é participar da vida dos filhos. E para o caseiro, quanto mais ativa for a participação, melhor para ele e as crianças.

Não à toa, o pai é um herói dentro de casa. As crianças o adoram e fazem exatamente tudo com ele. Claro, para aproveitar os mimos também. Afinal, José não se cansa. Todo dia carrega os dois, brinca e conversa com eles. Que paizão!

(Via Agencia)

 

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

100