12/04/2015

18:42

Por: Alberto Silva

Padre Fábio de Melo defende casamento civil gay

Religioso usou rede social para afirmar que cabe ao Estado decidir sobre união, e não às religiões

Na contramão de líderes religiosos que condenam o casamento gay, o padre Fábio de Melo publicou hoje uma série de tuítes em que defende o direito civil de casais homoafetivos. O sacerdote se posicionou contra a homofobia e foi apoiado pela maioria de seus 858 mil seguidores na rede social, no perfil @pefabiodemelo.

Nas publicações, o padre procura esclarecer que direitos civis são competência do Estado, e não de congregações religiosas. ” São situações que não nos competem. A questão só nos tocaria se viessem nos pedir o reconhecimento religioso e sacramental da união”, afirmou.

Em entrevista ao jornal “O Globo” , o padre, que também é cantor, já havia se posicionado favorável à união homossexual.

Não sou o professor Girafales, mas gostaria de fazer um apontamento. Já falei muito sobre o assunto, mas sempre volta como se fosse novidade

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

74

Clique aqui