23/09/2015

12:14

Por: Alberto Silva

O povo pode esquecer de oposição, todos estão vendidos, PT bate martelo para se perpetuar no governo

... Hoje merecidamente todos os petistas voltarão as redes sociais rindo, chamando os demais de coxinha, tirando sarro da população e quer mais? Dilma voltará a usar seu terninho vermelho. Viva o PT !! Viva a corrupção !! Viva o novo Mensalão !!

Se o povo não sair as ruas, não fechar as grandes rodovias do País, fechar os aeroportos, os portos e invadir o Planalto, podem esquecer da saída de Dilma. A votação de ontem que, varou a madrugada, mostrou que o PT tem o poder de decisão dentro do executivo, da câmara dos deputados federais e do Senado Nacional, ou seja, estamos todos F**dos …

A votação dos vetos presidenciais nesta quinta-feira mostrou que o governo tem maioria para barrar o impeachment, diz o deputado Paulo Teixeira (PT-SP), vice-líder do PT na Câmara.

“Foi o primeiro grande teste do governo, de temas muito polêmicos e com uma pressão social imensa. E o governo passou”, afirma ele. “Havia uma insegurança muito grande, mas Dilma bancou a aposta, contra tudo e contra todos.”

O placar das votações será divulgado nesta quarta em detalhes, mas em algumas delas o executivo reuniu mais de 257 votos, ou a maioria na Câmara.

“Isso demonstra que é possível fazer maioria na Câmara contra o impeachment”, analisa o parlamentar.

Para aprovar a admissibilidade de um processo de impedimento de Dilma Rousseff, a oposição precisaria dessa mesma maioria. Já para o afastamento seriam necessários 2/3 dos votos.

Parlamentares da oposição também apoiaram a manutenção dos vetos, em nome da responsabilidade fiscal. Teixeira diz que “eles foram importantes do ponto de vista simbólico, mas a formação da maioria estaria garantida mesmo sem esse apoio”.

O parlamentar observa que também no Senado o governo conseguiu maioria, mantendo os vetos presidenciais já apreciados.

“Houve vitória ontem no Senado na alta madrugada, com até 42 votos”, diz ele. “As duas Casas mostraram que o governo tem a maioria. A base governista estava insegura, mas pagou para ver e ganhou.”

Nesta semana, a presidente Dilma Rousseff negociou intensamente com líderes do PMDB. Deputados e senadores do partido devem indicar ministros para integrar a equipe da presidente, ocupando inclusive pastas cobiçadas como a da Saúde.
A adesão do partido ontem garantiu a maioria para a manutenção dos vetos.

Ainda há destaques que vão ser votados, como o que prevê reajuste para servidores do Judiciário.

Teixeira diz que o governo está confiante de que ganha também a segunda rodada. Ainda há destaques que vão ser votados, como o que prevê reajuste para servidores do Judiciário. Teixeira diz que o governo está confiante de que ganha também a segunda rodada.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

102

Clique aqui