21/07/2018

13:28

Por: Guilherme Silva

Menina de 11 anos é abusada por 17 homens em troca de refrigerante e ameaçada com vídeo

Menina de 11 anos é abusada por 17 homens em troca de refrigerante e ameaçada com vídeo

Ajude e levar essa informação mais longe, compartilhe ...

Menina de 11 anos é abusada por 17 homens em troca de refrigerante e ameaçada com vídeo




aqui

Menina de 11 anos é abusada

Um estupro coletivo chocou a Índia nessa semana. Uma menina de apenas 11 anos, moradora da cidade

Menina de 11 anos é abusada por 17 homens em troca de refrigerante e ameaçada com vídeo

de Chennai, foi abusada por um grupo de 17 homens. O caso chocou o mundo e alguns detalhes,

narrados pelas autoridades, acabaram sendo alvo de revolta de muitas pessoas. A ação aconteceu em um




condomínio fechado. A situação acabou reacendendo a discussão sobre a chamada cultura do abuso

sexual.

Abuso coletivo de menina na Índia repercute no mundo




De acordo com as autoridades. o abuso ocorreu porque os homens davam refrigerante à jovem e, em

seguida, filmavam os atos criminosos. Além da violação, eles apareciam mostrando armas e fazendo

ameaças. Segundo a Polícia da Índia, o abuso ocorreu durante sete anos.

Além de refrigerante, a menina teria recebido drogas para aguentar a situação. A vítima também era




ameaçada. Os violadores diziam que, caso a menina denunciasse o caso, eles iriam divulgar o material

na  internet. Dessa forma, ela foi alvo dos criminosos por dezenas de dias.

Além disso, os homens que fizeram isso com a menina eram moradores da região. Eles eram

funcionários da empresa que cuidava do condomínio onde o abuso aconteceu. Após a ação, eles foram




demitidos.

Esse, no entanto, não foi o primeiro abuso coletivo na Índia. O país é infelizmente conhecido por atos

desse tipo.




 

Ajude e levar essa informação mais longe, compartilhe ...

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

33
PENSA BRASIL NOTÍCIAS