24/03/2015

14:03

Por: Alberto Silva

Manifestantes colocam 200 ‘sacos de dinheiro’ em frente ao Congresso

Protesto é de grupo de vários setores da sociedade que pede reforma política; veja as fotos


Warning: file_get_contents(https://free.sharedcount.com/?url=https%3A%2F%2Fpensabrasil.com%2Fmanifestantes-colocam-200-sacos-de-dinheiro-em-frente-ao-congresso%2F&apikey=a2ad8859171bb2d2344e31170cd248e9846315ac): failed to open stream: Connection refused in /home/pensabrasil/www/wp-content/themes/pensabrasilportal/inc/share-bar.php on line 10

O grupo Coalizão pela Reforma Política Democrática – Eleições Limpas fez uma instalação em frente ao prédio do Congresso, em Brasília, na manhã desta terça-feira (24).

Os manifestantes colocaram duzentos sacos de dinheiro simbolizando o financiamento empresarial de campanhas eleitorais.

A ação é um projeto de iniciativa popular com assinaturas de mais de 500 eleitores. Segundo eles, a relação entre doação de empresas e exercício de mandatos eletivos é “uma das distorções” a serem combatidas no âmbito de uma reforma política, com mais participação social.

Com manifesto, cartilha e conteúdo do projeto a ser encaminhado ao Congresso, material colocado à disposição na internet, o grupo pretende chegar a uma “proposta de representação política mais identificada com a maior parte da sociedade”.

São quatro os principais pontos do movimento: a proibição do financiamento empresarial, a realização de eleições proporcionais em dois turnos, a paridade de gênero na lista pré-ordenada, e o fortalecimento dos mecanismos da chamada “democracia direta”.

O objetivo do movimento é alcançar 1,5 milhão de assinaturas, número exigido por lei para viabilizar a proposta de reforma popular.

O grupo é formado por 103 das principais entidades de classe e diversos movimentos sociais. Estão entre eles a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB); a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB); o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE); a Central Única dos Trabalhadores (CUT).

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

    Sorry. No data so far.

57

Clique aqui