19/06/2017

11:53

Por: Alberto Silva

Madrasta de Isabela Nardoni dá declaração chocante: “Não me sinto culpada” LEIA

Anna Carolina Jatobá está recorrendo para passar para o regime semiaberto, ela alega inocência.

Anna Carolina Jatobá diz não se arrepender

Condenada a 26 anos e oito meses de prisão pela morte de Isabela Nardoni, Anna Carolina Jatobá, revelou que não se sente culpada pela morte da criança: “Não me sinto culpada, nem arrependida porque sou inocente”, disse para uma assistente social.

A declaração foi registrada em um documento que irá compor o relatório sobre o comportamento da moça dentro da #cadeia. As informações vão ser usadas pela Justiça para tomar a decisão se ela irá poder cumprir a pena em um regime semiaberto.

Ela quer o direito ao regime semiaberto

Detida em Tremembé, no interior de SP desde abril de 2008, Jatobá foi condenada por homicídio qualificado. A defesa afirma que ela já cumpriu o tempo mínimo para ter o direito à progressão, que tem as saídas da prisão temporárias com um dos benefícios. Esse pedido foi feito em abril e a decisão pode ocorrer em 10 dias.

Anna Carolina falou para os especialistas que é inocente que torce para que a verdade apareça. Sobre seus projetos para o futuro, ela diz que tem planos de fazer um curso de moda, abrir um ateliê de costura, se aproximar novamente da família e também manter o relacionamento com Alexandre Nardoni, com quem tem dois filhos, de 10 e 12 anos.

Segundo uma matéria do ‘Fantástico’, depois de alguns laudos psicológicas e psiquiátricos, o resultado da equipe técnica alega que a ‘possibilidade de reincidência é nula’.

A acusada alega que acusada para os especialistas

Anna Carolina falou para os especialistas que é inocente que torce para que a verdade apareça. Sobre seus projetos para o futuro, ela diz que tem planos de fazer um curso de moda, abrir um ateliê de costura, se aproximar novamente da família e também manter o relacionamento com Alexandre Nardoni, com quem tem dois filhos, de 10 e 12 anos.

“Quero estar com meus filhos. Vou morar em São Paulo ou uma cidade do litoral, trabalhar e tentar viver minha vida. Gostaria que um dia minha vida pudesse voltar ao normal. Gostaria de desenvolver o meu lado espiritual e ajudar as pessoas.”

De acordo com o #psiquiatra que avaliou Jatobá, ela é capaz de controlar a sua agressividade. “Não podemos prever o futuro, entretanto diante do amadurecimento adquirido com o tempo, sua capacidade de refletir e construção de projetos de futuro nos faz pensar que, neste momento, sua possibilidade de reincidência é nula”, comenta ele.

Anna Carolina não teve nenhuma falta disciplinar

Durante seu tempo dentro da prisão, ela não teve nenhuma falta disciplinar, possui uma conduta muito boa e também obedece às ordens, respeitando os funcionários e as normas da unidade prisional.

O laudo que foi mandado para o Ministério Público deu um parecer favorável para a progressão com direito ao semiaberto. Luiz Marcelo Negrini, promotor, ressalta que Anna Carolina não deve perder os seus direitos garantidos por lei por causa da opinião pública.

“Vale dizer que a gravidade do #crime e suas consequências, por mais nefastas e repugnantes que sejam, não podem prevalecer”, diz um dos trechos do parecer. Ele também salienta que a progressão para esse regime não quer dizer liberdade.

Galeria
Diversos |
1 de 4
Madrasta de Isabela Nardoni dá declaração chocante: "Não me sinto culpada" LEIA

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

117