18/10/2015

17:48

Por: Alberto Silva

LULA EM PÂNICO! MANDA AUDITAR “INFORMALMENTE” SEUS NEGÓCIOS PARA TRANQUILIZAR O PARTIDO

Aperta o cerco sobre Lula. Seus familiares já aparecem nas delações premiadas fechadas nas últimas horas. Filho, nora e o seu “operador” já foram “dedurados” por Fernando baiano e o delicado “chambinho”.

Na sexta, Lula deixou “vazar” que JOSÉ CARLOS BUMLAI, – “seu fazendeiro operador” pode ter usado seu nome para concretizar “negócios espúrios”.  No sábado, 17, vieram à público os valores pagos pela Construtora Odebrecht por palestras de Lula, sempre antecedendo um grande investimento do BNDES em vários pontos do mundo. Ou seja, cai por terra o “álibi” do ex-Presidente que garantiu, através de notas de seu instituto, de que nunca teria cobrado para falar a tomadores de serviços financiados pelo Brasil no exterior.

Também no sábado, 17, o Juiz Federal Paulo Bueno de Azevedo, da 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo – para onde foi desmembrada parte da operação Lava Jato, por ordem do STF – autorizou a liberdade vigiada e sob condições de “ Chambinho”, ex-vereador e filho de um ex-prefeito do PT de Americana(SP), Alexandre Correa de Oliveira Romano.  Ele estava preso em Curitiba, acusado de ser “operador” na “máfia” dos empréstimos consignados no âmbito do Ministério do Planejamento, comandado à  época,  por Paulo Bernardo, marido da senadora Gleisi Hoffman.  Chambinho também “dedurou” o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto.

Nessa decisão de São Paulo em favor de “chambinho” dois fatos tem de ser observados com muita atenção:

  1. Chambinho fez delação premiada. Entregou todo mundo e apresentou documentos que convenceram o Ministério Público Federal que sua colaboração seria útil para encarcerar muita gente . Assim, o MPF entendeu que sua prisão, neste momento, não interessava mais e ele poderia ser liberado. Chambinho estava ocupando um importante e necessário espaço na carceragem que será utilizado, na sua totalidade a partir dessa segunda-feira, 19 de outubro. NOVAS PRISÕES NO ÂMBITO DA LAVA JATO SERÃO DECRETADAS.
  2. O azar dos petroleiros é tanto que, mesmo o Foro Federal de São Paulo – Capital – tendo mais de 10 Varas Criminais, o processo de Cambinho, da senadora e do ex-Ministro foi cair logo na mão de um Juiz “mão de ferro”  e de um jovem Procurador da República “do time” que atua em Curitiba. O Juiz Federal Substituto, Paulo Bueno de Azevedo e o Procurador da República, Rodrigo De Grandis acabam de condenar o ex- Juiz Rocha Matos a mais 11 anos de prisão e estão a repatriar mais de 20 milhões de dólares depositadas nas contas do magistrado expulso da Justiça Federal. A linha dura vai continuar a “operar” na Lava jato.

O Cristalvox em um post já havia previsto que a decisão do STF em fatiar a Lava jato seria “um tiro no pé” dos ministros alinhados ao PT, dos defensores que vibraram com o desmembramento e dos envolvidos nas falcatruas.  O STF querendo beneficiar a “turma” não observou que o trabalho esta volumoso e cansativo para Sérgio Moro. Dividindo,  só SOMOU! Agora o “Time Moro” vai “sentar a mão”…

(Via Cristal Vox)

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

68

Clique aqui