20/09/2016

09:10

Por: Alberto Silva

Lobista diz ter pago propina a dois políticos do PT, mas não declina nomes, bandido defendendo bandido !

Ministro do TSE ouviu Zwi Skornicki em processo que pede a cassação da chapa Dilma-Temer

O lobista Zwi Skornicki, apontado como operador de propinas pela Operação Lava Jato, revelou ter pago propina a dois políticos do PT nas eleições de 2014.

Ele, no entanto, não declinou os nomes. A declaração foi feita em audiência com o ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Herman Benjamin, relator de um dos processos movidos pelo PSDB que pede a cassação da chapa Dilma/Temer na Justiça Eleitoral.

O declínio na resposta de Zwi está relacionado ao fato de ele estar em tratativas de delação premiada com o Ministério Público Federal desde junho.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

    Sorry. No data so far.

58

Clique aqui