30/06/2016

10:32

Por: Alberto Silva

Irmão de Ivete Sangalo diz não ter contato com a cantora e nega desvio de dinheiro

Ele, que em 2015 sofreu grave acidente de carro, se defendeu das acusações e revelou que não mantém nenhum tipo de contato com a irmã famosa desde o ocorrido, em 2011.

Jesus Sangalo, irmão e ex-empresário de Ivete Sangalo afastado da carreira da cantora após suposto desvio de dinheiro, falou pela primeira vez sobre a briga com a futura jurada na versão adulta do “The Voice Brasil”. Ele, que em 2015 sofreu grave acidente de carro, se defendeu das acusações e revelou que não mantém nenhum tipo de contato com a irmã famosa desde o ocorrido, em 2011.

“Se qualquer pessoa entrar na web, vai encontrar que eu dei um desfalque de alguns milhões de reais na empresa que eu era o presidente. E eu não dei. Isto me prejudicou absurdamente. Não só profissionalmente, como psicologicamente. Foi terrível pra mim. Terrível!”, disse em entrevista ao “Câmera Record”, que vai ao ar nesta quinta-feira (30).

Jesus atualmente trabalha fazendo palestras nas quais vende cosméticos e reclama que a irmã, que vai receber R$ 1,5 milhão para fazer show no próximo Réveillon, não o defendeu. “Existe um poder no microfone que é muito legal para sanar e acabar com dúvidas. Talvez este poder não tenha sido usado”, disparou. “Eu não estava me afastando de qualquer um. Eu estava me afastando da maior estrela do país, que ajudei a chegar onde esta hoje”, continuou o ex-empresário, que, há anos sem contato com Ivete, é categórico ao responder se sente falta da irmã: “Não”.

"Eu não estava me afastando de qualquer um. Eu estava me afastando da maior estrela do país, que ajudei a chegar onde esta hoje"

Jesus era presidente da Caco de Telha, empresa que gerencia a carreira de Ivete, e foi afastado pela cantora após suspeitas de desvio de dinheiro, o que foi negado por ela em entrevista à revista “Veja”: “Ele nunca fez isso. Não fez nada disso. Começamos a discordar sobre o modo de tocar os negócios e, quando você trabalha com alguém por quinze anos, essas divergências se tornam pesadas a ponto de um não querer ouvir a opinião do outro”, disse a artista, na época. “Decidi cuidar eu mesma dos meus negócios. Apenas isso”, finalizou a cantora, que lamentou agressão seguranças a seus fãs.

(Via Agencia)

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

    Sorry. No data so far.

51

Clique aqui