19/07/2018

15:44

Por: Guilherme Silva

Grupo de discussão reprova personagem chave de Segundo Sol

Grupo de discussão reprova personagem chave de Segundo Sol

Ajude e levar essa informação mais longe, compartilhe ...

Grupo de discussão reprova personagem chave de Segundo Sol




aqui

 

Grupo de discussão

Grupo de discussão reprova personagem chave de Segundo Sol

A Globo é uma das emissoras que mais se mostra preocupada quando o assunto é levar qualidade aos

seus telespectadores, prova disso são os grupos de discussão que a emissora faz um mês depois da novela

ir ao ar para saber o que agrada ou não o público de casa.

No caso de Segundo Sol, a boa audiência da trama fez com que a emissora esperasse um pouco mais para

 




 

realizar o grupo de discussão. Após dois meses o resultado dos telespectadores que assistem a trama de

João Emanuel Carneiro se mostrou positivo.

A audiência não é uma preocupação da emissora. A novela está sendo avaliada positivamente pelo

público que acompanha a trama e aponta erros e acertos. Apesar de não reclamarem das histórias

 




 

apresentadas e nem do caminho que os personagens estão trilhando o público mostrou que tem um

único personagem que vem chamando a atenção de forma negativa.

Trata-se de Karola, personagem vivida pela atriz Deborah Secco, mas ao contrário do que muitos podem

pensar não é o sotaque da personagem que está sendo criticado, mas as queixas que ela faz durante




 

todos os capítulos conforme a trama vai se desenvolvendo.

O público notou que conforme a novela anda, a vilã faz sempre com as mesmas queixas. Para melhorar,

 




 

a Globo já está se mexendo para que isso seja mudado o mais rápido possível. A trama de João Emanuel

Carneiro acumula uma média geral de 32 pontos na grande São Paulo.

 

 




Ajude e levar essa informação mais longe, compartilhe ...

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

33
PENSA BRASIL NOTÍCIAS