17/08/2017

17:16

Por: Alberto Silva

Fones de ouvido podem ter mais bactérias do que você imagina, veja…

Fones de ouvido podem ter mais de 10 mil bactérias e fungos, diz estudo. Cientistas brasileiros alertam: seus fones podem lhe transmitir doenças

Fones de ouvido podem ter mais bactérias do que você imagina, veja…

Um grande número de pessoas usa fones de ouvido no trabalho, nos transportes públicos, quando vai correr e até

na rua para atender o celular sem precisar segurá-lo, mas será que alguém já pensou em limpar estes objetos?

Vale lembrar que devemos ficar atentos em nossas crianças para que não fiquem usando fones de ouvidos de adultos ou até mesmo dos próprios familiares

Se não pensou, devia. Pelo menos depois de saber a quantidade de bactérias e fungos que os fones podem acumular.

De acordo com um estudo realizado pela faculdade de medicina da Devry Metrocamp, em Campinas, no Brasil, os fones acumulam cerca de 10 mil tipos diferentes de fungos e bactérias.

Fones de ouvido podem ter mais bactérias do que você imagina, veja…

E nem precisam de ser aqueles fones de colocar dentro da orelha, os chamados ‘headphones’ também acumulam

bactérias e fungos, ainda que em menor quantidade, e por isso devem ser limpos.

Os cientistas revelaram ao G1 que não se deve dividir os fones com ninguém e eles devem ser totalmente limpos com álcool isopropílico, que não estraga os aparelhos eletrônicos.

Fones de ouvido podem ter mais bactérias do que você imagina, veja…

A falta de limpeza para esses objetos que pra muitos não tem importância alguma pode prejudicar muito a saúde dos seus ouvidos.

Já que bactérias são prejudiciais para a saúde de qualquer ser humano.

Vale lembrar que devemos ficar atentos em nossas crianças para que não fiquem usando fones de ouvidos de adultos ou até mesmo dos próprios familiares.

 

Galeria
Saúde e Vida |
1 de 5
Fones de ouvido podem ter mais bactérias do que você imagina, veja...
Fones de ouvido podem ter mais bactérias do que você imagina, veja...

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

113

Clique aqui