11/05/2016

16:38

Por: Alberto Silva

Dilma já está com todos os ministros no palácio, todos serão depostos hoje ainda de seus cargos

Por outro lado Marcela Temer, mulher de Michel Temer, e Michelzinho, filho dos dois, chegam nesta quarta (11) a Brasília.

O Palácio onde a “ainda” presidente Dilma está conta com a presença de todos os seus ministros, onde, na cassação da chefe do executivo todos terão seus cargos retirados pelo novo presidente Michel Temer.

Dilma também recebeu LULA que está convocando CUT e MST para iniciar tumulto no senado. A segurança foi reforçada e o exército está em alerta geral.

Por outro lado Marcela Temer, mulher de Michel Temer, e Michelzinho, filho dos dois, chegam nesta quarta (11) a Brasília. Eles devem aparecer ao lado do vice-presidente no pronunciamento que fará ao país se assumir a Presidência nesta quinta (12).

O vice analisava nesta terça (10) a conveniência de anunciar, já no discurso, medidas econômicas de seu eventual governo. Havia a alternativa de deixar essa parte da fala para entrevista de Henrique Meirelles, que comandará a Fazenda.

Além de elogiar a Operação Lava Jato, Temer deve citar os programas Bolsa Família, Minha Casa, Minha Vida, Pronatec e ProUni para afastar a ideia de que esvaziará a área social. “Ele vai dar sinal de confiança ao mercado e esperança aos mais pobres”, diz interlocutor que discute com o vice o conteúdo da fala.

Temer pretende dar recado também aos movimentos sociais que prometem “infernizar” seu governo. Estuda incluir no discurso palavras e expressões como “autoridade” e “segurança jurídica”, além das já previsíveis “eficiência” e “decência”. Estuda também lançar, com essas ideias, um slogan de sua provável administração.

O vice analisava nesta terça (10) a conveniência de anunciar, já no discurso, medidas econômicas de seu eventual governo. Havia a alternativa de deixar essa parte da fala para entrevista de Henrique Meirelles, que comandará a Fazenda.

Meirelles apresentou nesta terça (10) alguns números que mostrariam sinais de melhora na economia para dar algum alento ao vice.

Eduardo Eugênio Gouvea Vieira, presidente da Firjan (Federação das Indústrias do RJ), foi recebido por Temer nesta terça (10) em Brasília. Na segunda (9) o vice já tinha conversado com o empresário Abilio Diniz.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

106