06/07/2017

19:22

Por: Alberto Silva

Delação de Cunha será entregue na próxima semana e Temer será atingido

Delação de Cunha já tem mais de cem anexos e atinge Temer, Procuradores que integram a força-tarefa têm conversado com os advogados do ex-deputado e acompanham de perto cada passo que ele dá em direção a um acordo com as autoridades

Delação de Cunha será entregue na próxima semana e Temer será atingido

A delação de #Eduardo Cunha pode ser entregue na próxima semana, segundo informações os textos escritos por Cunha com as informações para o acordo de delação já estão prontos.

Cunha decidiu que fecharia com a Operação #Lava Jato e assim já rascunhou mais de cem anexos para a colaboração

Que fará sendo todos os fatos bem elaborados e detalhados.

As delações de Cunha e de Funaro podem integrar a segunda denúncia que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot

Não se sabe quantos anexos dos rascunhos serão aproveitados no acordo oficial de delação mais alguns deles serão totalmente necessários para desvendar muitos crimes de corrupção.

Alguns dos procuradores que integram a #força-tarefa têm entrado em contato com os advogados de Cunha que

Acompanham de perto cada passo que ele dá em direção a um acordo com as autoridades.

Delação de Cunha será entregue na próxima semana e Temer será atingido

Todas as expectativas para a delação são satisfatórias e a probabilidade do peemedebista entregar os documentos na próxima semana é grande.

O presidente #Michel Temer terá o nome envolvido diretamente na delação e com ele também os ministros Moreira

Franco (Secretaria Geral) e Eliseu Padilha (Casa Civil) e o senador Romero Jucá (PMDB-RR).

Cunha era integrante do PMDB formado por Temer, Jucá e os dois ministros, esse grupo foi quem liderou o

Movimento que culminou no impeachment de #Dilma Rousseff, em 2016.

O peemedebista participou de várias negociações, políticas e também nos esquemas de arrecadação de recursos para campanhas eleitorais do grupo e do recebimento de propinas.

Delação de Cunha será entregue na próxima semana e Temer será atingido

Segundo informações as provas que Cunha tem será primordial e são solidas o suficiente. Cunha continua preso em Curitiba.

Mais ele se encontra em uma cela especial no complexo para que ele possa conversar melhor com seus advogados que devem redigir as informações de Cunha.

NOTA DO ADVOGADO DE CUNHA:   

O advogado de Cunha, Délio Lins e Silva Júnior, negou à coluna que o peemedebista já esteja negociando acordo de delação premiada.

As delações de Cunha e de Funaro podem integrar a segunda denúncia que o procurador-geral da República, Rodrigo

Janot, deve apresentar ao STF (Supremo Tribunal Federal) contra Temer, agravando a situação do presidente

Galeria
Política |
1 de 5
Delação de Cunha será entregue na próxima semana e Temer será atingido

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

89

Clique aqui