23/12/2015

23:51

Por: Alberto Silva

Ataques aéreos russos mataram 200 civis na Síria, diz Anistia Internacional

Rússia diz que seus alvos são grupos terroristas, mas relatos de testemunhas dizem que as bombas caíram em regiões de moradia de civis

Um relatório da Anistia Internacional, com base em relatos de testemunhas, mostra que os ataques aéreos russos na Síriamataram 200 civis entre 30 de setembro e 29 de novembro de 2015, em mais de 25 ataques em cinco áreas.

>> Alemanha aprova envio de ajuda militar contra Estado Islâmico na Síria

De acordo com a BBC, a Anistia diz que os ataques constituem “crimes de guerra”, já que segundo as testemunhas ouvidas, as bombas têm como alvo áreas de moradia de civis.

>> “Ajuda humanitária não resolverá o problema do Oriente Médio”

A Anistia diz também estar investigando os ataques aéreos da coalizão dos Estados Unidos, que raramente reconhece mortes de civis em seus ataques aéreos na Síria.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

100