14/08/2015

13:16

Por: Alberto Silva

Após Presidente da CUT convocar Guerra Civil, Policia vai reforçar e garantir o direito de manifestação.

O Presidente da (CUT) utilizou a tribuna dentro do Palácio do Planalto para convocar todos os simpatizantes do PT para uma guerra civil. Além de sofrer consequências penais, a Policia do Estado de São Paulo garantiu que a manifestação será protegida por terra e no ar.

Para o protesto deste domingo (16) contra a presidente Dilma Rousseff na avenida Paulista, o governo do Estado escalou efetivo de 1.200 PMs e planeja usar 270 carros, quatro blindados, dois helicópteros, 40 cavalos e dez cães. A equipe do secretário da Segurança Pública, Alexandre de Moraes, vai integrar na operação os comandos da capital, de choque e de trânsito e o grupamento aéreo. Além disso, 150 policiais civis estarão à paisana.
DEMOCRACIA
E o Vem pra Rua, um dos movimentos que convocam os atos, divulgou regras para a cobertura da imprensa em seu caminhão na avenida. Prevendo grande número de jornalistas, o grupo só vai permitir a entrada de profissionais credenciados, que poderão ficar por no máximo dez minutos.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

    Sorry. No data so far.

50

Clique aqui