21/07/2015

11:09

Por: Alberto Silva

A global Ana Paula Arózio coloca a “mãe ” em asilo e deixa pai internado “

O pai de Ana Paula Arósio, Carlos Arósio, ainda enfrenta problemas de saúde. De acordo com a coluna "Retratos da Vida", do jornal "Extra", desta terça-feira (21), o progenitor da artista está hospitalizado e a mulher, Claudete Aparecida, mora em um condomínio especializado em atender pessoas da terceira idade na cidade de São José do Rio Preto, interior de São Paulo. "Meu marido ainda está internado, muito doente", disse a mãe de Ana Paula.

Claudete Aparecida Arósio mora em asilo no interior de SP. Pai da atriz ainda está internado por problema no pulmão e Mal de Parkinson.

Carlos enfrenta um problema no pulmão e é portador do Mal de Parkinson. Para a publicação, Claudete não quis falar da herdeira e da relação das duas. “Prefiro não falar nada sobre esse assunto”, limitou-se a dizer. A mãe da atriz de 40 anos e revelada na novela “Éramos Seis” (SBT, 1994) além de morar no condomínio também é diretora de serviços da Agerip (Associação Geronto-Geriátrica de São José do Rio Preto). O local oferece suítes, chalés e apartamentos para os moradores, todos acima de 50 anos.

Eles têm direito a diversas atividades como bingo, almoços dançantes, festas temáticas e aulas de pilates. Para morar no condomínio, é preciso desembolsar cerca de R$ 10 mil, além de pagar mensalidades que variam de acordo com as atividades e tipo de moradia. Para a coluna, Claudete não quis revelar quem paga por sua estadia no condomínio. Longe da TV desde 2010, Ana Paula prestigiou, no final de semana, a vitória do marido, Henrique Pinheiro Plombon nos Jogos Pan-Americanos de Toronto (Canadá).

Atriz se isolou após divulgação de filme

Em novembro do ano passado, Ana Paula voltou a se afastar da mídia após ter cenas suas no filme “A Floresta que se Move” divulgadas. “O assédio passou a ser forte demais, e ela voltou a se isolar”, contou o diretor do longa Vinicius Coimbra, na ocasião. Em entrevista ao “Fantástico“, a artista havia comentado, um mês antes, seu papel no longa.

“É um personagem quase irrecusável, o privilégio de fazer é muito bom. O que me encantou é que eu achei o roteiro muito bem amarrado, é uma adaptação crível dessa história, fiquei muito encantada com a personagem por causa disso”, disse.

(por Guilherme Guidorizzi)
de: purepeople 

 

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

66

Clique aqui