13/06/2016

16:47

Por: Alberto Silva

Vaduz recebe exposição de arte brasileira pela primeira vez

A instituição tem por objetivo divulgar a nossa cultura e integrar as nações

A cidade de Vaduz, capital do Principado de Liechtenstein, receberá, pela primeira vez, uma exposição de arte brasileira nos dias 25 e 26 de junho durante a terceira festa junina da cidade, a Juni Fest. Com curadoria de Angela de Oliveira em parceria com a Casa Brasil Liechtenstein, a mostra denominada Triatlon das Artes reúne obras de 40 artistas brasileiros e tem como principal objetivo destacar a cultura do país no local.

“É importante levar a arte brasileira para um lugar tão distante e de costumes tão diferentes dos nossos, especialmente por ser parte de um grande evento que evidencia nosso País”, explica Angela.

A Casa Brasil Liechtenstein é uma instituição, sem fins lucrativos, que fomenta, apoia e valoriza a cultura brasileira na Europa. Criadora da festa junina Juni Fest, que este ano completa sua terceira edição, o evento reúne várias atrações entre prática de esportes, shows, filmes, workshop de pinturas e comidas tipicamente brasileiras.

A Casa Brasil Liechtenstein é uma instituição, sem fins lucrativos, que fomenta, apoia e valoriza a cultura brasileira na Europa. Criadora da festa junina Juni Fest, que este ano completa sua terceira edição, o evento reúne várias atrações entre prática de esportes, shows, filmes, workshop de pinturas e comidas tipicamente brasileiras.

“A instituição tem por objetivo divulgar a nossa cultura e integrar as nações; por isso, trabalhamos com muito entusiasmo e queremos fazer uma bela festa para todos se divertirem”, comenta Denise da Cruz Campitelli, presidente da instituição.

Os artistas que estarão expondo suas pinturas, fotografias e esculturas na mostra Triatlon das Artes são; Alemão Art; Ana Goldberger; Ana Santiago; Andrea B. Mottura; Bel Saffe; Bia Black; Denise Berbert; Diego Mendonça; Dina Garcia; Dinorah Rosencrantz; Eliana Carvalho; Elisa Caner; Elisabete Muniz; Eloisa C. Bonadio; Guidha Capello; Heitor Derbli; Jorge Muniz; Karine Kischinhevsky; Katia Cunha; Leca Araújo; Lélia Accioli; Lisandra Miguel; Luciana Alfredo; Luciana Severo; Luciano Senna; Magda Rehder; Mariá Mallman; Maria Vieira de Souza; Marie Mercier; Marlene Ramos; Maroka; Marta Spagnol; Pathy Esse; Pedro Marques; Petterson Silva; Ricardo Alves; Roberta Urquiza; Rosangela Vig; Sandra P. Tegon e Sara Nach.

De volta ao Brasil

Em julho, a Triatlon das Artes, idealizado por Angela de Oliveria e Denise da Cruz Campitelli, desembarcará em Búzios, litoral do Rio de Janeiro; e Itapetininga, interior de São Paulo.

Sobre a curadora

Nascida em Itapetininga, a produtora cultural Angela de Oliveira é artista plástica, curadora de artes e empreendedora. Promove centenas de artistas de todo o Brasil com exposições nacionais e internacionais, como a Paris & Elas – Vertendo Luz realizada em outubro de 2015 no Salon Art Shopping, no Carrossel du Louvre, na França; e Arte Brasileira que aconteceu em fevereiro deste ano na Galeria Koko, em Viena e na Galeria Shapira, em Nova York e em maio na Porto Art Gallery em Portugal. “Gostei tanto da experiência no exterior, que decidi pautar meu trabalho como curadora em coletivas internacionais, em galerias selecionadas”.

Serviço

Data e horário: 25 e 26 de junho, das 11h às 23h e das 11h às 17h, respectivamente;

Local: Centro Cultural de Vaduz;

Endereço: Vaduzer-Saal Dr. Grass-Strasse, 3 9490.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

103