03/10/2016

13:31

Queridinho da imprensa e dos artistas, o PSOL dobrou de tamanho: agora tem DUAS prefeituras

Por: Alberto Silva

Não fosse pelo apoio escancarado da classe artística e dos profissionais de imprensa no Brasil, poucos brasileiros saberiam da existência do PSOL. Porque, em números, não passa de um partido irrelevante. E mesmo as eleições de 2016 conseguem mostrar isso.

style="text-align: justify;">Muitos temiam que o voto dos petistas migrassem para candidatos psolistas. Mas o temor se provou infundado. Finalizado o primeiro turno, o PT perdeu 374 prefeituras em relação ao que havia conquistado em 2012. Quanto ao PSOL, dobrou de tamanho. Mas, para isso, precisou de uma única vitória a mais: tinha feito um prefeito, agora tem dois.

Menosprezar o adversário nunca é bom. Mas temer o PSOL é um pouco demais.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

90