04/02/2015

09:55

Por: Alberto Silva

Premiê israelense critica capacetes azuis da ONU no Líbano.

Benjamin Netanyahu criticou os capacetes azuis da ONU mobilizados no sul do Líbano, um dos quais morreu na quarta-feira (28) passada, vítima de bombardeios

 

O primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu criticou os capacetes azuis da ONU mobilizados no sul do Líbano, um dos quais morreu na quarta-feira (28) passada, vítima de bombardeios israelenses depois de um ataque do Hezbollah libanês.

“Os soldados da FINUL (Força Interina das Nações Unidas no Líbano) não informam sobre o tráfico de armas no sul do Líbano”, reclamou Netanyahu em uma conversa como secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, informaram os serviços de comunicação do premiê.

Segundo Netanyahu, a FINUL, encarregada de vigiar a fronteira entre Israel e Líbano, não aplica a resolução 1701 do Conselho de Segurança da ONU, adotada depois da guerra israelense contra o Hezbollah em 2006.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

88