27/09/2016

11:15

Por: Alberto Silva

Morre presidente da Portela e é decretado 10 dias de luto

Ele foi morto ao ser atingido por tiros de fuzil, no seu comitê eleitoral

A diretoria da escola de samba Portela declarou 10 dias de luto oficial após o assassinato do seu presidente, Marcos Falcon, de 52 anos, nesta segunda-feira (27), em Madureira, na Zona Norte. Ele foi morto ao ser atingido por tiros de fuzil, no seu comitê eleitoral. Falcon era candidato a vereador pelo Partido Progressista (PP).

De acordo com o jornal O Dia, no atentado, o tesoureiro da escola de samba, Felipe Guimarães foi atingido por um tiro de raspão. Em nota divulgada no Facebook, a agremiação lamentou a morte do presidente e disse que todos os eventos que seriam realizados nos próximos dias na quadra foram cancelados.

“As atividades no local só serão retomadas no dia 6 de outubro. O barracão da Cidade do Samba também não funcionará nos próximos dias”, completou. A Azul e Branca afirmou ainda que o vice-presidente Luis Carlos Magalhães vai assumir a presidência da escola.

De acordo com o jornal O Dia, no atentado, o tesoureiro da escola de samba, Felipe Guimarães foi atingido por um tiro de raspão. Em nota divulgada no Facebook, a agremiação lamentou a morte do presidente e disse que todos os eventos que seriam realizados nos próximos dias na quadra foram cancelados.

Despedida

O velório será realizado na quadra da Portela, na Rua Clara Nunes, 81, a partir das 8h desta terça-feira. Falcon será enterrado no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, mas o horário ainda não foi divulgado. Ele era casado há 10 anos com a porta-bandeira da Beija-Flor Selminha Sorriso, tinha filhos e netos.

(Via Agencia)

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

92