18/09/2016

19:09

Por: Alberto Silva

Morre jornalista da Rede Globo aos 58 anos, ele lutava contra o câncer

Aos 58 anos, jornalista lutava contra um câncer. Franqui trabalhou durante mais de 10 anos na TV TEM.

O jornalista de 58 anos, faleceu na tarde deste domingo (18) em Sorocaba (SP). Franqui – que já comandou programas como o Nosso Campo, da TV Rede Globo na região – lutava contra um câncer e estava há 20 dias internado em um hospital particular da cidade.

Nascido em São João do Caiuá (PR) em 10 de julho de 1958, Franqui passou a maior parte da vida no interior de São Paulo, onde fez família, amigos e construiu a carreira no jornalismo.

A trajetória de Franqui começou em uma rádio de Presidente Prudente (SP) em 1981, onde foi locutor, repórter e apresentador de jornais e programas musicais. Em 1985, ainda na cidade, começou a trabalhar como repórter na TV Globo, atuando como gerente de jornalismo na TV Fronteira por dois anos. O jornalista também trabalhou em Campo Grande (MS) até voltar para São Paulo em 1998.

A trajetória de Franqui começou em uma rádio de Presidente Prudente (SP) em 1981, onde foi locutor, repórter e apresentador de jornais e programas musicais. Em 1985, ainda na cidade, começou a trabalhar como repórter na TV Globo, atuando como gerente de jornalismo na TV Fronteira por dois anos. O jornalista também trabalhou em Campo Grande (MS) até voltar para São Paulo em 1998.

Entrou para o time de jornalistas da TV Aliança Paulista, atual TV TEM, e ajudou a criar o programa Nosso Campo, em exibição até hoje. Ficou na TV TEM até 2010, quando começou a trabalhar na TV Record no Rio de Janeiro. De lá, foi para Goiânia (GO), na TV Anhanguera, afiliada Rede Globo, e voltou para Campo Grande, na TV Morena, também da Globo.

Eli Franqui

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

loading...
96