05/04/2016

11:03

Por: Alberto Silva

LULA, o criminoso “mor” faz apologia ao crime e chama 90% da população de coxinha

Ele foi alvo de panleaço, Lula volta a chamar 90% dos brasileiros de coxinhas, estimulando clima de ódio da militância conivente

O criminoso “mor” do Brasil, o homem mais mentiroso do mundo voltou a proferir ódio contra os brasileiros, Lula volta a chamar 90% dos brasileiros de coxinhas, estimulando clima de apologia ao crime da militância conivente.

Durante ato no sucursal mal intencionada do PT, a sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP), nesta segunda-feria, 4,  o ex-presidente Lula voltou a chamar os brasileiros contrários à corrupção no governo de “coxinhas”.

Cercado de militantes do partido, todos vestindo vermelho, Lula falou sobre mobilizar a militância petista contra o pedido de impeachment da presidente Dilma. “É importante a gente começar a convocar já no dia que for colocado em votação o impeachment temos que estar nas ruas desse país. Temos que estar nas ruas“, conclamou  Lula.

Tomado de raiva pelo fato de moradores de casas e prédios vizinhos ao sindicato terem promovido um panelaço, o ex-presidente voltou a estimular o clima de ódio dos militantes remunerados e coniventes com o assalto à Petrobras:  “Eles estão tentando preparar uma mutreta para nós e tentando avisar apenas os ‘coxinhas’. Nós temos de avisar o nosso povo para dizer que não vamos permitir que a nossa Constituição seja rasgada e que a democracia seja arranhada“, vociferou o decadente líder sindical que tenta ocupar um ministério para fugir das investigações da Lava Jato.

Lula, o maior criminoso do Brasil tem que ser preso e logo, antes que estimule uma guerra civil partindo dos seus alimentados de mortadela e R$ 30,00 diários.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

103