10/04/2016

19:00

Por: Alberto Silva

Jogou fogo ou atiraram no corpo de manifestante na frente do Palácio do Planalto?

Não há informações sobre o que teria motivado o ato. Ele estava sem documentos e foi levado ao hospital com queimaduras em 70% do corpo


Warning: file_get_contents(https://free.sharedcount.com/?url=https%3A%2F%2Fpensabrasil.com%2Fjogou-fogo-ou-atiraram-no-corpo-de-manifestante-na-frente-do-palacio-do-planalto%2F&apikey=a2ad8859171bb2d2344e31170cd248e9846315ac): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 401 Unauthorized in /home/pensabrasil/www/wp-content/themes/pensabrasilportal/inc/share-bar.php on line 10

Um homem ainda não identificado ateou fogo em seu próprio corpo na manhã deste domingo (10) em frente ao Palácio do Planalto, em Brasília. Não há informações ainda sobre a motivação do ato. O tenente Amaral, do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, disse que o homem estava sem documento e que testemunhas relataram que ele mesmo teria colocado fogo em seu corpo.

Segundo a assessoria de comunicação dos bombeiros, o homem teve mais de 70% do corpo queimados. Ele aparentava ter entre 45 e 50 anos de idade e usava uma bermuda de tecido semelhante ao nylon, material consumido rapidamente pelo fogo. O homem vestia também uma camiseta, que tirou antes de jogar combustível sobre o corpo. Ele foi encaminhado para o Hospital Regional da Asa Norte (Hran). Testemunhas disseram que ele é branco, magro e possui cabelos e barbas compridos.

“Quando a equipe chegou, alguém tinha usado um extintor de incêncio na vítima. Ele estava no chão e falava palavras desconexas sobre religião”, informou o coronel Alan Alexandre Araújo, chefe da Comunicação Social do Corpo de Bombeiros do DF. De acordo com o coronel, o homem não portava documentos e a identificação dele será feita pelo hospital.

"Quando a equipe chegou, alguém tinha usado um extintor de incêncio na vítima. Ele estava no chão e falava palavras desconexas sobre religião"

(Com Estadão Conteúdo e Agência Brasil)

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

100