16/10/2016

15:05

Por: Alberto Silva

Hã?? Advogado de Dilma, Cardozo “trabalhará” para Doria em SP, que país é esse???

Cardozo começou a trabalhar no município logo após se formar na PUC, no início dos anos 1980, durante a gestão do ex-prefeito Jânio Quadros.

Doria vai governar São Paulo ao lado do PT, é o que saiu na Veja.  A partir de janeiro, o advogado da ex-presidente Dilma Rousseff, o petista José Eduardo Cardozo, vai ter como chefe o prefeito eleito de São Paulo, João Doria (PSDB). Após 21 anos afastado, o petista deverá voltar à Prefeitura de São Paulo para assumir o cargo de procurador municipal do qual está afastado desde 1995, quando foi tomou posse em primeiro mandato como vereador. A intenção do defensor de Dilma é conciliar o trabalho no município com o exercício da advocacia em um escritório privado. Isso, é claro, sem deixar de defender sua ex-chefe nos recursos do processo de impeachment.

Mesmo após a derrota do prefeito Fernando Haddad, Cardozo afirmou a interlocutores que quer voltar à Procuradoria. Na última segunda-feira, ele esteve com o Haddad na Prefeitura e comentou o assunto.

Cardozo começou a trabalhar no município logo após se formar na PUC, no início dos anos 1980, durante a gestão do ex-prefeito Jânio Quadros. A convite do então assessor de assuntos jurídicos de Jânio, Cláudio Lembo, ingressou na procuradoria e ficou na área até assumir uma secretaria no governo da ex-prefeita Luiza Erundina.

Mesmo após a derrota do prefeito Fernando Haddad, Cardozo afirmou a interlocutores que quer voltar à Procuradoria. Na última segunda-feira, ele esteve com o Haddad na Prefeitura e comentou o assunto.

Desde que a administração da ex-presidente acabou definitivamente, em agosto, Cardozo divide o seu tempo entre a defesa de Dilma, que tenta anular a cassação no Supremo Tribunal Federal, e palestras no Brasil e no exterior. Recentemente, passou algumas semanas em Salamanca, na Espanha, concluindo o doutorado e ministrando  um ciclo de debates na universidade da cidade espanhola. Nesta semana, irá ao Nordeste onde falará para alunos de uma universidade pernambucana sobre o afastamento da ex-presidente.

Após assumir o cargo, Cardozo também planeja se associar a um escritório de advocacia. Como entrou na Procuradoria do município antes da constituição de 1988, o petista poderá conciliar as atividades como servidor municipal com a defesa de clientes privados. Ainda nos primeiros meses do ano que vem, ele será efetivado como novo sócio do escritório Celso Cordeiro e Marco Aurélio de Carvalho Advogados, que tem unidades na capital paulista e em Ribeirão Preto. O escritório tem atuação na área tributária, mas Cardozo será responsável pela criação do departamento de direito público.

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

92