30/06/2016

21:20

Por: Alberto Silva

Filha de Tony Tornado desaparece após post enigmático

A mãe relata que a filha não usa drogas e a mensagem refere-se a quando ela pediu para se internar por conta da depressão. "Ela ficou cerca de 20 dias internada na Clínica Vera Cruz, em São Paulo. Saiu de lá ótima, com energia e bem feliz. Ela não deixava de tomar os remédios. Moramos juntas e conheço minha filha. Ela estava em uma fase boa"

Aretha Pearl, de 39 anos, filha do ator Tony Tornado, está desaparecida desde domingo (26), como confirmou nesta quinta-feira (30) a mãe da chef de cozinha, Maritza Cavalcante, de 68.

O caso, de acordo com o Correio 24 Horas, foi registrado em uma delegacia de São Paulo. Ao Ego, a mãe de Aretha afirmou que a filha sobre de depressão e é bipolar. “Estou nervosa e desesperada”, disse ela.

Por telefone, Maritza relatou que conversou com a filha no domingo. A filha aparentava estar feliz, prestes a começar um trabalho, e comentou de um rapaz que tinha conhecido. Na madrugada, Aretha ligou para a mãe novamente e perguntou se ela estava bem. “Depois disso nunca mais falei com ela. É muito triste”, disse. As duas moram em Santo Antônio, de São Paulo.

"Amigos, novamente me retiro da sociedade para um maior entendimento espiritual e para que seres superiores cuidem de mim. Até breve! Às vezes é preciso morrer um pouco por dentro. Para que então possamos renascer ...e crescer mais fortes e sábios numa nova versão de nós mesmos".

Em postagem enigmática publicada no dia 2 de junho, Aretha escreveu: “Amigos, novamente me retiro da sociedade para um maior entendimento espiritual e para que seres superiores cuidem de mim. Até breve! Às vezes é preciso morrer um pouco por dentro. Para que então possamos renascer …e crescer mais fortes e sábios numa nova versão de nós mesmos”.

A mãe relata que a filha não usa drogas e a mensagem refere-se a quando ela pediu para se internar por conta da depressão. “Ela ficou cerca de 20 dias internada na Clínica Vera Cruz, em São Paulo. Saiu de lá ótima, com energia e bem feliz. Ela não deixava de tomar os remédios. Moramos juntas e conheço minha filha. Ela estava em uma fase boa” Tony Tornado não quis comentar o assunto.

(Via Agencia)

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

104