16/05/2016

12:11

Por: Alberto Silva

EUA e JAPÃO juntos, norte-coreana provoca 3° guerra mundial

As ações trilaterais vão envolver navios dos três países, mas não irão envolver a formação de interceptação de mísseis, disse a autoridade. Os três países mantiveram exercícios conjuntos de busca e salvamento no passado.

A Coreia do Sul, os Estados Unidos e o Japão vão realizar seu primeiro treinamento militar conjunto no próximo mês com o intuito de detectar sinais de lançamentos de mísseis da Coreia do Norte e rastrear as trajetórias dos mísseis, disse uma autoridade do setor de Defesa de Seul nesta segunda-feira.

Os exercícios militares, definidos para começarem no dia 28 de junho, serão realizados à margem dos exercícios navais multinacionais programados para as águas do Havaí em junho e agosto, que os três países participam regularmente, disse a autoridade que falou sob condição de anonimato, citando regras do departamento.

As ações trilaterais vão envolver navios dos três países, mas não irão envolver a formação de interceptação de mísseis, disse a autoridade. Os três países mantiveram exercícios conjuntos de busca e salvamento no passado.

Os exercícios militares, definidos para começarem no dia 28 de junho, serão realizados à margem dos exercícios navais multinacionais programados para as águas do Havaí em junho e agosto, que os três países participam regularmente, disse a autoridade que falou sob condição de anonimato, citando regras do departamento.

O treinamento segue um pacto feito em 2014 de dividir informações entre os três países, destinados a lidar melhor com o aumento nuclear da Coreia do Norte e ameaças de mísseis. Foi o primeiro acordo desse tipo entre os três países. O impasse internacional sobre a Coreia do Norte aprofundou recentemente depois que Pyongyang realizou seu quarto teste nuclear em janeiro e lançou um foguete de longo alcance

em fevereiro.

Washington realiza regularmente exercícios militares com a Coreia do Sul e Japão – que juntos abrigam cerca de 80 mil soldados norte-americanos – e ações de inteligência com eles em um nível bilateral. Mas Seul e Tóquio não fazem isso, em grande parte resultado dos persistentes ressentimentos públicos da Coreia do Sul contra o Japão ao longo do seu período colonial entre 1910 e 1945.

A península coreana foi dividida em Coreia do Sul, apoiada pelos EUA, e Coreia do Norte, apoiada pelos soviéticos socialistas no final da ocupação japonesa. As duas Coreias travaram uma guerra devastadora de três anos no início de 1950 que terminou com um armistício e não um tratado de paz. Fonte: Associated Press.

Imagem Ilustrativa - Fonte ESTADÃO

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

105