04/10/2016

08:47

Por: Alberto Silva

Em SP catador de lixo recicláveis é eleito o vereador mais votado

O catador de recicláveis declarou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) um patrimônio de 93.000 reais, distribuídos entre uma casa avaliada em 90.000 reais e uma moto de 150 cilindradas, cujo valor é de 3.000 reais.

As eleições em Assis, cidade a cerca de 430 quilômetros de São Paulo, terminaram com a improvável eleição de um catador de recicláveis à Câmara Municipal. Popularmente conhecido como Nilson do Cachorro, graças à companhia do animal que lhe acompanha em suas andanças pela cidade com uma carroça de papelão, Nilson Pavão (PMDB) recebeu 1.275 votos dos eleitores assisenses, terceira maior votação para vereador na cidade.

Aos 62 anos, o catador de papelão completou apenas o Ensino Fundamental e, modesto, esperava receber entre 700 e 800 votos. Agora eleito, Pavão quer trabalhar na Câmara de Assis pelos animais abandonados. “Eu sou muito apegado aos animais e o vice-prefeito eleito é o Márcio Veterinário. O que eu pretendo como vereador é conversar com ele para que a Prefeitura possa ceder uma área, que não esteja sendo usada, para podermos pegar os animais da rua, como cachorro, gato e cavalo, recolhê-los, dar os cuidados necessários como vacinas e remédios, e depois destiná-los para adoção, garantindo que as pessoas que adotem, possam cuidar”, prometeu, em entrevista à imprensa local.

O catador de recicláveis declarou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) um patrimônio de 93.000 reais, distribuídos entre uma casa avaliada em 90.000 reais e uma moto de 150 cilindradas, cujo valor é de 3.000 reais. Nilson Pavão não declarou doações eleitorais ou despesas à Justiça Eleitoral.

(Via Agencia)

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

92