12/09/2016

10:43

Por: Alberto Silva

Documentos comprovam que DILMA desviou R$480 milhões para uma conta na Suíça

Cópias do passaporte, da assinatura e de dados pessoais da ex presidenta, Dilma Rousseff enviados pelas autoridades da Suíça à Procuradoria Geral da República comprovam contas bancárias secretas da ex Presidenta Dilma Rousseff.

A revista Istoé que já circula em todo o País, revela em reportagem que o discurso governista que deve cair por terra é o das contas na Suíça, pois foi encontrada uma conta aberta na Suiça em 2012 sob orientação de Giles (Dilma) para receber propina da Queiroz Galvão na “Operação Angola”.

Foram ao menos US$ 237 mil depositados na conta CH3008679000005163446, aberta no banco Morgan Stanley. Confira abaixo a íntegra da reportagem da Istoé.

Assessor especial de Dilma Rousseff, seu ex-chefe de gabinete, homem que a acompanha desde Porto Alegre, o discreto Giles Azevedo é considerado no Palácio do Planalto os olhos e os ouvidos da presidente da República. O único na Esplanada com autorização para falar em nome de Dilma e a quem ela confia as mais delicadas tarefas.

Cópias do passaporte, da assinatura e de dados pessoais da ex presidenta, Dilma Rousseff enviados pelas autoridades da Suíça à Procuradoria Geral da República comprovam contas bancárias secretas da ex Presidenta Dilma Rousseff.

A Revista Rafilds teve acesso com exclusividade à documentação encaminhada pelo Ministério Público suíço ao Brasil. Além da reprodução dos documentos pessoais – passaporte, visto norte-americano, nome completo, data de nascimento e endereço em um condomínio de luxo , os arquivos enviados pela Suíça mostram que ela manteve uma conta bancária nos Estados Unidos ao longo de 3 anos.

(Via Agencia)

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

94