20/09/2016

11:01

Por: Alberto Silva

Cão fareja câncer em menina de 3 anos e alerta precoce salva sua vida

A família que é de Brotton, North Yorkshire, no Reino Unido, procurou um médido e teve o diagnóstico: leucemia linfoblástica.

Um cachorro farejou o câncer de uma menina de 3 anos de idade. Por isso foi possível descobrir a doença a tempo, tratar e salvar a vida dela. Pippa Woods foi diagnosticada com leucemia linfoblástica aguda em maio, depois que a “border collie” Bessie começou a agir estranhamente em torno dela.

Bessie simplesmente se recusava a sair do lado da menina. Isso alertou os pais Paula, 38, e Philip, 30, de que algo estava errado. A família que é de Brotton, North Yorkshire, no Reino Unido, procurou um médido e teve o diagnóstico: leucemia linfoblástica.

Como a doença estava em estágio inicial, a menina começou logo o tratamento com quimioterapia e agora veio a ótima notícia de que o câncer está em remissão. “Temos sido abençoados.  A detecção precoce explica a remissão. Somos gratos pela ajuda do nosso cão”, afirma o pai da garota.

Todos que acompanham a garota estão felizes com progresso no tratamento e os especialistas acreditam que se as coisas continuarem neste caminho, ela poderá terminar o tratamento em 2018.

(Via Agencia)

Compartilhe:

Comentários

* O Pensa Brasil não se responsabiliza pelo conteúdo dos comentários e se reserva o direito de eliminar, sem aviso prévio ao usuário, aqueles em desacordo com as normas do site ou com as leis brasileiras.

Mais Lidas

91